.posts recentes

. ...

. O que somos na vontade

. ...

. Só para ti

. Construir para amar

. ...

. Dançar no terraço

. ...

. ...

. ...

. O que pensar que é

. ...

. Um com o outro

. ...

. ...

. ...

. O tempo suficiente

. Sobre o papel

. A ponte que escolhe o céu

. ...

.arquivos

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Dezembro 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020

...

O Sol de alguém são reflexos nos verbos que rasgam o olhar, ao tempo sem lugar que voltar sobre a alegria, para escrever as saudades que constroem o esboço do que é saber a verdade a percorrer a diferença, no desafio da razão que vestir o dia.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 14:14
link do post | favorito

O que somos na vontade

 

Pensar o que seremos,

ao sol que tentar

o que confia nos dias,

a tristeza no amor a dizer ser,

o que não entender o que é querer,

de alguém que amamos,

onde não existe para sonhar

esse alguém que amamos, o que não fizemos,

os passos que confiam o que tentar,

como queremos

o que é o momento, que decidir o que não voltar,

o coração para acordar

um prazer que rasgar o céu, que seja sorrir

que é viver

o que esquece,

o tempo que abraçar na rua, os olhares que passam na diferença,

a imaginação como lugar

na expressão a quem diz a poesia

que é viver

o que diz cantar,

que seja sorrir na saudade.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 14:07
link do post | favorito
Domingo, 16 de Fevereiro de 2020

...

Porque é, o que não é porque, não sinta de nós o contrário que foi, como aconteceu na paixão a verdade que é, será o que pensar, que não saiba o que disser que te amo.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 22:30
link do post | favorito

Só para ti

 

Será sol o que chamar,

por chamar o dia que foi,

o que estou

de não fazer nada, à doçura que tinha o não querer viver um sem o outro,

o tempo que tem o tempo

que gostou de ti,

que estamos mesmo a fazer

a história que entregar

o tu e o eu, à minha palavra que é o momento

a querer ser o amanhã, que está a dizer acontecer,

o que não é tentar

o que conseguir compreender,

os sinais para ver o que somos, no grito que estava na perfeição

onde o Eu chama por ti, no jogo da mesma palavra,

que chamar o significado

que diz acordar na manhã.

 

Antonio Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 11:19
link do post | favorito
Sábado, 15 de Fevereiro de 2020

Construir para amar

 

O que tenha um coração, que se une ao nome que refletir a vida, sorri ao gesto que se tornou a esperança, na resposta que guardar o sorriso que tem a bondade.

publicado por antonioramalho às 22:00
link do post | favorito

...

O tempo suficiente, que saber por acontecer, de pensar na vida que será encontrar respostas, sabe o querer por instinto, que partilhar é a única forma, na razão que espera o que dá.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 08:28
link do post | favorito

Dançar no terraço

 

Deixar passar o que temos,

que vivemos para ver, o talvez que não seja,

porque a vida não espera,

o que não sabemos escolher,

que não atende o que estiver

de volta ao que é um prazer,

oerceber o que é o amor,

o inesquecível que é um jogo,

porque a vida somos nós,

que não espera os momentos

que seriam deixar pensar

o que lembram o que somos, que não tem

o que desejamos oferecer, a mostrar

que estamos a ver todos os dias , o caminho que não conhece o que estou,

de ser quem é,

o que é uma soma das saudades,

do que nunca sequer tentar,

onde estará o que desejamos,

para encontrar respostas,

que sabem sempre o que dizer,

com as palavras que permitissem ver,

o que escolhemos querer ser, que diz que tem de ser

o amanhã que não demora.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 08:16
link do post | favorito
Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2020

...

O que amámos por quem perdemos o que caminhámos, na memória das lágrimas de serem acreditar o que não somos, é esquecer o amor que não é amor, porque existe uma história por contar.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 14:04
link do post | favorito

...

O amor é, porque será

o que não será, mas é,

porque é ser

por não ser e não ter,

o que tem que não tem,

que o amor é…e será sempre

o que procurar

o que existe,

de voltar de outra maneira

porque precisamos de amar,

a janela na paixão,

no tempo que passa a ser

porque alguém acredita ter.

 

O amor é um grito

nos beijos do momento,

de quem viva o que pronuncia,

que vivemos

em silêncio

as palavras que são o caminho,

o que é dizer a paixão sempre.

 

O que revelar ser,

o que realmente procura ser,

o fogo na presença

na felicidade que encontrar

o que continua a não compreender, mas sente

que deseja encontrar o que sabe significar.

 

O amor é…simplesmente…

o que passámos a ser.

que estamos em algum lado,

quem amamos

na parte que somos, a ligação que abre a porta

ao essencial que é ter,

ao que acontecer

com o tempo que chega

porque não conhecemos o que é,

mas sentimos ser,

o que é verdade

na construção em nós

de aceitarmos o que desejámos,

que se transforma na vida que vivemos,

………………….

mas também são lágrimas

na recordação,

na mágoa de tentar fugir

o que oferecesse o que não tem,

na procura que distingue

a sombra que nascerá na ausência.

 

António Ramalho

(Direitos de autor reservados)

publicado por antonioramalho às 11:26
link do post | favorito
Terça-feira, 11 de Fevereiro de 2020

...

As cores da aurora que pensarem o amor, parecem separar a dor, na quimera do azul como interrogação do dia seguinte, que digam ilustrar.

 

António Ramalho

(Direitos de ator reservados)

publicado por antonioramalho às 15:45
link do post | favorito (1)

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.links

.Visitantes desde Junho de 2010