.posts recentes

. Dia internacional do beij...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Os ratinhos

. O que estamos a procurar?

. Porque és mulher

. ...

. O que traduz o amor

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Esses olhos

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Dezembro 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Quinta-feira, 28 de Novembro de 2013

A Joaninha Ana

Post nº 300

 

Era uma vez...a joaninha Ana, rebelde e carinhosa, que de bela era...

A joaninha irrequieta, que no entanto, vivia ao sabor das circuntâncias....Para ela o importante era sempre e primeiro a opinião dos outros....

Um dia, quis mais...quis vencer os seus próprios limites...e apagou as pintas da sua capa, com rispidez..

Queria mais....queria pintas especiais..pintadas por ela.... E, assim , diáriamente, começou a pintar, na sua capa desnudada, pintas novas e coloridas...imensas, de todas as formas e tamanhos...

Mas...e há sempre um mas...a Dona chuva resolveu dar uma lição à joaninha Ana...E, assim, por mais pintas que a joaninha pintasse, mais a Dona chuva as apagava...

Desconsolada...a joaninha...chorou....

A partir daí, já ninguém cantava para ela: "Joaninha voa, voa....."...

Tinha perdido o essencial...e deixou de voar...

Até ao dia em que passou por ela um menino sonhador....

O menino encantou a joaninha....e ensinou-a a pintar com o coração........Se pintasse com o coração, não mais a Dona chuva conseguiria apagar as suas pintas...

E assim foi...A joaninha tornou-se outra......

Mudou a sua vida...acreditou nela ......

Um dia...o menino sonhador cantou para ela: "Joaninha voa, voa..."

E ela voou, voou...incansávelmente, como nunca tinha voado...bem alto....Foi feliz...

Tocou o céu!....

E...quando voltou para baixo.....o menino sonhador tinha partido...

Eram personagens de tempos diferentes....

Nesses dia...a joaninha percebeu que....as flores também choram..............

publicado por antonioramalho às 11:05
link do post | favorito
2 comentários:
De Anónimo a 28 de Novembro de 2013 às 15:21
Parabéns pelo post 300.

"As coisas que passam ficam para sempre numa história exata." (Sophia de Mello Breyner)

Obrigada por partilhar.
De Anónimo a 1 de Dezembro de 2013 às 15:08
A felicidade não existe,
mas às vezes acontece-nos...

Um beijinho

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links