.posts recentes

. Dia internacional do beij...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Os ratinhos

. O que estamos a procurar?

. Porque és mulher

. ...

. O que traduz o amor

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. Esses olhos

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Dezembro 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Domingo, 3 de Fevereiro de 2008

Amor é liberdade..e compreensão

Era uma vez um pintor ...que desenhava as cores da emoção e criava vida nas telas.

Com o azul do céu...pintava o brilho do Sol...e com o azul do mar...criava uma força imensa...

Eu, tu....todas as pessoas...estamos na tela da vida...

O pintor colocou um beijinho nos meus lábios,... aproximou-me dos teus...e abriu-nos a porta do amor...

O Pintor ensinou-nos que o amor é um espelho do olhar...que o amor é a intensidade da paixão...Colocou cores e mais cores...e ouvimos o eco da minha própria vida no teu corpo...

Em nós fez surgir o momento...o agora...e as cores tornaram-se música de embalar...

O Pintor fez tocar a minha mão na tua...e desenhou-nos a caminhar na praia do amor

Nas asas da vida, deixámo-nos voar nas cores e ao encantro do luar...

O Pintor transformou-te em estrelinha de luz...e colocou-te a brilhar no meu coração!

Caminhamos juntinhos no meu coração.....

E o Pintor fez mais...No calor de um passeio pelo mesmo corpo, voámos...voámos...pelo encanto do Por-do Sol...pela magia do amanhecer e pelo feitiço da vida...

Na praia da emoção....nadámos como peixinhos doces..

Eu e Tu..aprendemos a ser uno!

Tu e Eu ...aprendemos a ser partilha....

Um dia...o Pintor desapareceu...

As cores e os desenhos inicialmente sentiram-se perdidos....mas depois....aprenderam o segredo da liberdade....Tornaram-se ...vida por elas próprias....e perceberam que o verdadeiro amor é liberdade e criatividade....

O amor nunca poderá ser uma prisão pelo medo de algo.................

sinto-me: feliz nesta caminhada
publicado por antonioramalho às 22:58
link do post | favorito
3 comentários:
De ID a 4 de Fevereiro de 2008 às 00:26
"O amor nunca poderá ser uma prisão pelo medo de algo................."

Na tela da vida, no palco da vida, todos estamos representados, mas temos medo sim. Medo até da própria liberdade. Quantas vezes não sabemos lidar com ela? Quantas vezes não a sabemos aproveitar? Quantas vezes a negamos, a preterimos à prisão criada por nós?
Será que o Pintor com o verde dos campos, também pintou a esperança?
A esperança que todos temos de encontrar esses mesmos campos floridos e poder voar como colibris, escolhendo e saboreando seu néctar ou como crianças felizes colhendo uma flor aqui outra acolá...

Lindo! Parabéns.
Um beijinho
De Maria a 4 de Fevereiro de 2008 às 19:21
Olá, poeta !
Que lindo texto !
O amor é paixão , confiança ,respeito , partilha e com diz o texto é" liberdade e ..compreensão".
Só o amor nos dá asas para voar...voar sem medos e sem obstáculos...voar com segurança e confiança.
Beijinhos
De Luz a 5 de Fevereiro de 2008 às 11:42
Era uma vez um pintor...
Que usava as mais belas cores…impregnadas de emoção e sentimento … com um brilho inigualável … com uma força imensa, criava Vida…
Poderá ser Deus?
Deus é Vida, Deus é Amor…e nos dá a capacidade de amar… porque o Amor é a base da Vida…é uma cor única…a mais linda… que faz da vida um verdadeiro arco-íris…
Por isso nos deu essa capacidade, por isso nos abre a porta, nos ensina e nos mostra o caminho…para que o possamos seguir em frente…colorindo a Vida...

Lindo poeta...

Beijinho

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links