.posts recentes

. O labirinto das emoções

. A sombra do que é a luz

. O que pode ter quem é

. O que diga por lágrimas

. O que realmente podemos f...

. LIVRO DE POESIA

. Amor verdadeiro, realidad...

. O que aprendi no teu corp...

. A direção da oportunidade

. Vai viver o teu sonho

. Para sonhar, nos teus bra...

. Querer ser o que sentes p...

. O mar de alguém

. Chamar o vento que não ac...

. O que não quer chegar

. Conhecer o que quer dizer

. Por ti…porque és mulher!

. A Árvore da vida

. Os erros no silêncio

. A atitude de ser o presen...

.arquivos

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Terça-feira, 10 de Junho de 2014

Se queres mais amor, dá mais amor....

Liberta a tua paixão...pela vida, pelos outros e por ti...A motivação é energia...

Quer!.....

Valoriza cada pessoa com quem te relacionas..Os outros têm sentimentos e perspectivas...como tu tens...Nada melhor do que um reconhecimento sincero e honesto...

Aprecia as pessoas que te rodeiam...Agradece que façam parte da tua vida...Elogia!...Reconhece o quâo importantes são!...Fá-los sentir importantes...porque são!...

Desfruta e saboreia cada momento da tua vida...desfruta da companhia das pessoas que são realmente importantes para ti....

Dedica tempo às pessoas que fazem parte de ti......Estabelece prioridades...em quê e quem!

Conhece-te a ti próprio!...........Há tanto para aprender...Um sentido de vida, paz interior e confiança em ti mesmo....

Sintonia entre a nossa linguagem verbal e não verbal...A força mais poderosa que existe é o amor...

Abre o coração...permite mostrar o melhor de ti próprio....Converte os pensamento e palavras em acção...

Inunda a tuda vida de calor e entusiasmo...

Toma atitudes positivas ...na direcção adequada...Para que este Mundo seja o mehor local para viver....

Converte-te numa pessoa ainda melhor ....

Muitas vezes só despertamos mostramos o melhor de nós próprios quando estamos perante um obstáculo grave...

Muda primeiro dentro de ti e verás que o Mundo ao teu redor também muda....Não queiras mudar o Mundo....Se queres fazer algo, muda dentro de ti...é o único local que podes controlar...Converte-te numa pessoa mais simpática, amável, carinhosa e apaixonada...e verás que tudo se transforma!... Encontra sempre uma palavra amável para dar...Não procures fora..o que está dentro de ti....

Desenvolve a flexibilidade necessária para mudar a atitude....Há saber adaptar-se, corrigir e melhorar...

A paz interior resulta de uma mudança de atitude perante a vida e não do fruto do acaso das circunstâncias exteriores...

Cria uma atitude mental que seja dominante na vida e que te permita desfrutar de cada uma das experiências...

Dar sempre o melhor de nós prórpios....a nós, à vida e aos outros.....e teremos certamente o melhor dos outros.....

 

publicado por antonioramalho às 09:15
link do post | favorito
Domingo, 8 de Junho de 2014

Importante...é o que somos...e não só o que fazemos....

A nossa vida deve orientar-se como um exemplo para os outros....

Aperfeiçoar as virtudes que temos, os nossos talentos....no fundo, realizarmos e concretizarmos o nosso verdadeiro potencial!

Saber e estabelecer quais são, de facto, as nossas prioridades na vida.....

Há obstáculos interpostos na evolução do ser humano: o orgulho, a ira, o ressentimento,o ódio.....São elementos que nos extraem a energia que necessitamos para navegarmos pelos desafios da própria vida.

Sempre que há estes obstáculos, o  coração bloqueia o fluxo de energia...

É necessário esforçarmo-nos por derrubar as limitações que nos são impostas pelos outros e por nós próprios....

A forma como aprendemos as lições é a base da nossa evolução espiritual.....

Só o amor liberta...... O  fluxo permanente de energia é vital para o nosso bem estar físico e emocional.

A sintonia com o nosso EU interior traz-nos o equilíbrio às nossa vidas...

Saber apreciar sinceramente os outros.....Saber apreciar e não criticar...

Saber ver o positivo e não só o negativo nas situações e nas pessoas...

O importante é o que somos...e não só o que fazemos....

Ultrapassar os nossos pontos fracos e reforçar os nossos pontos fortes...é o guia para nos tornarmos em tudo o que devemos ser....

publicado por antonioramalho às 15:45
link do post | favorito
Domingo, 1 de Junho de 2014

A ideia de irmos morrer.....

A dor é atroz só pela ideia de irmos morrer..ou sabermos que vamos morrer....

Aí...tentamos libertar-nos. Passamos a estar mais atentos ás pequenas coisas e ás coisas realmente importantes da vida.

Nessa altura, todos os seres humanos procuram respostas e reflectem sobre o sentido que a vida tem....

Aí.......percebemos que o essencial e único...é o momento presente, o aui e agora.....

Aí....percebemos que deveríamos ter procurado os vazios que estão dentro de nós e que os deveríamos ter preenchido, não com a superficialidade, mas sim com a essência..

Passamos a estar mais atentos ao Mundo que nos rodeia, ás pessoas eao ambiente.

Aí...queremos acordar.......

Aí....percebemos que não somos de ninguém...que não existe apego....

Aí.....percebemos que a essência do amor é a única força em que nos deveríamos ter convertido e vivido...

A vida está cheia de adversidades de vária ordem. Encontrar a porta de acesso à felicidade deveria estar no equilíbrio entre as perdas e os ganhos inerentes a ela..

Ir além da fronteira da segurança é uma luz nas sombras...

Aí....percebemos que a nossa realidade foi a mesma todos os dias que passaram, sem que tivessemos aberto a porta...Quebrámos o circuito do fluxo de vida...

As pressões externas impulsionaram o nosso Ego a querer mais controle e mais e mais...

O fluxo de vida estagnou na ausência de transformação interior.

O amor, que tem uma vida própria, terminou na busca da perfeição....

O conflito entre o bem e o mal eternizou-se...e não conseguimos alcançar a liberdade...

Afinal..o Juiz estava dentro de nós, na nossa própria mente..

O amor podia ter aberto as passagens ocultas...mas deixámo-nos levar pelos desejos....E o desejo não pára nunca...

Não soubémos estabelecer as pontes da comunicação e desperdiçámos ondas de energia....

Numa fracção de segundo queremos mudar uma vida que desperdiçámos... Mas,na maioria dos casos, é demasiado tarde ....

As limitações temporárias da vida não nos deixam continuar....porque o caminho é limitado...

O espectáculo da vida, na maioria dos casos, perde-se dentro de nós próprios...porque não soubémos criar uma vida para nós...

Aí...a máscara da aparência física cai definitivamente...e percebemos o quanto perdemos...

A ideia de irmos morrer....revela-nos habitualmente que poderíamos ter feito tanto....e, no entanto, cansámo-nos e desperdiçámos....

publicado por antonioramalho às 12:09
link do post | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.links

.Visitantes desde Junho de 2010

.De onde visitam: