.posts recentes

. O labirinto das emoções

. A sombra do que é a luz

. O que pode ter quem é

. O que diga por lágrimas

. O que realmente podemos f...

. LIVRO DE POESIA

. Amor verdadeiro, realidad...

. O que aprendi no teu corp...

. A direção da oportunidade

. Vai viver o teu sonho

. Para sonhar, nos teus bra...

. Querer ser o que sentes p...

. O mar de alguém

. Chamar o vento que não ac...

. O que não quer chegar

. Conhecer o que quer dizer

. Por ti…porque és mulher!

. A Árvore da vida

. Os erros no silêncio

. A atitude de ser o presen...

.arquivos

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

A vida tem tantos obstáculos.....

..que ás vezes apetece desistir....

Pensamos que a vida perdeu sentido.....que só apetece chorar.....que o abismo está mesmo ali....

Perdemos a vontade de continuar.....Tudo parece desabar sobre nós....

Choramos com o vazio.....

Entretanto a vida continua.....lá fora, os passarinhos continuam a cantar, as arvores a dançar e o vento a sibilar....

Dentro de nós....a tristeza infinda.....a música agreste ...e uma vontade de parar.....

Mas o tempo passa.....mas o tempo não cura......o que cura realmente é a nossa acção....

Mas...nós estamos sem acção.....pensamos que o tempo vai parar....

Há obstáculos tão dificeis...que pensamos não suportar....

Mas o tempo não pára....O deserto que avança....e um coração que se despedaçou...

Sabemos que a esperança, a fé e a paciência são a chave......E a luz que se acende ao longe, de mansinho....

No meio de um obstáculo tão imenso.....não percebemos que afinal é uma lição......afinal a lição é que.....não aprendemos a amar.....Afinal a causa é não sabermos amar...

Os obstáculos são lições para aprendermos a amar.....A vida é um caminhar para aprendermos a amar....

Aprender a amar.....

sinto-me: Aprender a amar....
publicado por antonioramalho às 20:43
link do post | favorito

Pare de culpar os outros......

Aquilo que somos é fruto da nossa fonte interior...e não das circunstãncias externas....

pare de culpar os seus Pais..por não ter conseguido ser isto ou aquilo...

Os seus Pais deram ou fizeram o seu melhor,  certamente o melhor que sabiam....Poderá até, em alguns casos, haver excepções.....mas isso não o impede de você lutar por conseguir ser ou ter aquilo que quer....ou queria....

Os seus Pais fizeram o papel deles...cabe a si deixar que esse papel seja o determinante e mesmo fundamental em si, no seu caminhar....

Olhe bem para dentro de si.....A única razão de ser ou ter está únicamente dentro de si.....É você que determina que o essencial esteja dentro de si....

Se teve um caminho difícil , transmitido pelos outros, quem quer que sejam, lute, a partir do aqui e agora...e seja você o responsável único pelo seu caminhar....

É mais fácil culpar os outros, do que lutar, do que trabalhar para mudar...

Pare de culpar os outros por não conseguir ser ou ter aquilo que queria.....está dentro de si a capacidade para mudar, para evoluir e crescer.....Lute, porque a vida está cheia de obstáculos.....

 

sinto-me: Feliz por viver....
publicado por antonioramalho às 20:30
link do post | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.links

.Visitantes desde Junho de 2010