.posts recentes

. O labirinto das emoções

. A sombra do que é a luz

. O que pode ter quem é

. O que diga por lágrimas

. O que realmente podemos f...

. LIVRO DE POESIA

. Amor verdadeiro, realidad...

. O que aprendi no teu corp...

. A direção da oportunidade

. Vai viver o teu sonho

. Para sonhar, nos teus bra...

. Querer ser o que sentes p...

. O mar de alguém

. Chamar o vento que não ac...

. O que não quer chegar

. Conhecer o que quer dizer

. Por ti…porque és mulher!

. A Árvore da vida

. Os erros no silêncio

. A atitude de ser o presen...

.arquivos

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Quinta-feira, 23 de Abril de 2009

Por detrás de uma folha.....

...existe sempre algo por escrever....

...existem palavras que acusam, palavras que julgam..que enredam teias de mal dizer...ou, também, poucas vezes, palavras que encorajam, que nos incentivam....

Por detrás de uma nuvem...existe sempre a luz do Sol, que ilumina sem cessar...que não se preocupa com os dias nublados ou com umas nuvens muito densas......Afinal as nuvens estão lá para nos ensinar.....

Por detrás de uma flor ...existe sempre um perfume ...que exala continuamente...sem cessar...imune ás pressões, ás invejas, ás raivas, ás contingências do dia a dia e aos próprios obstáculos.....

Por detrás de uma folha........ podemos cair ou erguermo-nos...Somos nós que permitimos que os outros nos atinjam ou não....somos nós que temos a capacidade de decidir se os outros têm controle sobre nós ou não....

As palavras.....afinal são como o vento.....

Por detrás de uma folha.....existe sempre uma flor....que vibra alegremente com a luz do Sol....e que exala um perfume, que é o dela....

sinto-me: Feliz por viver....
publicado por antonioramalho às 08:43
link do post | favorito
Sexta-feira, 17 de Abril de 2009

A história do Pote das moedas de amor.....

Era uma vez uma letra!...Uma letra única, que vivia isolada......

Uma letra que assumiu a sua identidade própria.....que cresceu e evoluiu no mar da integridade, apesar dos maremotos das contrariedades....mas que também se deliciava com os ventos da bonança....

Mas.....a letra um dia cresceu..e sentiu que a vida era uma partilha.....A vida só podia ter sentido na partilha de emoções, momentos, atitudes ....no encontro de relacionamentos.....

E a letra, que era única...quis encontrar outra letra .....

Percorreu quilómetros de vida ...e encontrou outras letras...Num dado tempo, surgiu a palavra!..

A palavra nasceu!....

Surgiu assim a palavra Homem!....E a palavra viveu, cresceu e evoluiu....

Encontrou outras palavras....

Nasceu emoção...Nasceram pensamentos...Nasceu vida!

A escrita nasceu.....

O encontro poético de uma história inacabada....

Páginas em branco...por percorrer ao sabor da inspiração....

Mas um dia....a palavra Homem quis encontrar um sentido...quis entender a realidade, além de a viver.....

Decidiu procurar a felicidade....

E a palavra Homem partiu na viagem sem rumo, mas com uma meta....

Encontrou então o Sr Dinheiro! O Sr. Dinheiro prometeu a felicidade...prometeu e prometeu....mas  a palavra Homem rápidamente percebeu que o caminho da felicidade não era por ali.....

Partiu novamente....

Encontrou então a Sra Fama. Elegante e sedutora como sempre...Seduz a felicidade, mas quando tirou a máscara....a palavra Homem percebeu que o caminho também não era por ali....

Partiu então novamente e incessantemente á procura da felicidade....

Encontrou então o Sr. Sexo....A palavra Homem encontrou prazer....encontrou momentos muitos felizes...mas depois veio o vazio. A palavra Homem percebeu que o Sr Sexo, isoladamente, sem amor, não era mais do que uma obsessão e dependência, que, por si só, não conduzia á felicidade, de modo nenhum....

Partiu novamente....

Desalentado, sentou-se numa rocha, na berma do caminho....

Algum tempo depois, começou a divisar, ao longe, um vulto que se dirigia na sua direcção....

Próximo, viu então uma senhora simples, a Sra Humildade.

A palavra Homem perguntou então á Sra. Humildade qual era o caminho para a felicidade...ao que ela respondeu, muito afavelmente:

- é o próprio caminho, a atitude a caminhar... Se tiver essa atitude...vai encontrar a ilha do interior e aí descobrir o tesouro....

A palavra Homem iniciou então uma nova caminhada...modificou e tentou modificar o que havia para modificar....vivendo cada momento da vida, como se fosse o último...e saboreou humildemente a alegria de viver....

Por fim, com energia renovada, encontrou a Ilha do interior, localizada por detrás da floresta das aparências...

Aí encontrou um tesouro: um pote!

Abriu o pote e ......estava cheio de moedas de amor!....Imensas!

Viu então um vulto que batia incessantemente e que chamava coração ...e que lhe disse:

- Só encontra o pote das moedas de amor..quem reconhece que elas só servem para dar e ajudar os outros...Portanto, vive a vida...e oferece moedas de amor....

Nesse dia...a palavra Homem encontrou a felicidade.......

 

sinto-me: feliz por viver
publicado por antonioramalho às 18:06
link do post | favorito
Quinta-feira, 16 de Abril de 2009

A vida é uma aprendizagem contínua.....

.....porque a vida não pára! ....É um contínuo evoluir...............

........Porque diáriamente temos que tomar opções...e ter determinada atitude.....

E aqui está a chave do nosso destino!..... Nas opções que tomamos e nas atitudes que assumimos............

Importa assinalar que todos os seres humanos erram.....E isto porque não sabemos quais são as soluções para os nossos problemas diários....As sugestões que os outros nos dão provavelmente não serão as mais adequadas no nosso caso.....Porque cada ser humano é diferente....Cada caminho é diferente......Lógicamente os problemas podem até ser iguais, mas as soluções serão certamente diferentes....Cada caso é um caso......O que é uma boa opção e solução para uma pessoa pode ser uma má opção para outra pessoa...Por isso as soluções não se ensinam, não vêm escritas em manuais de vida....

Nós somos o resultado das nossas decisões......

Nem sempre o que os outros sugerem é o correctoe adequado para nós....

É importante e sempre......aprender com os erros.....

É importante e sempre...não desistir....ou seja, volta a tentar....Aceitar o insucesso, mas não a derrota...

E saber recomeçar da maneira adequada.................Porque não há soluções pré-definidas.....

 

sinto-me: Feliz por viver
publicado por antonioramalho às 12:59
link do post | favorito
Quinta-feira, 2 de Abril de 2009

Reprograme a sua mente......

....para vencer....na vida, no trabalho, na família.....

...Porque a nossa mente está eivada de pensamentos negativos...hábitos errados...atitudes negativas....

Porque, dum modo geral, não confiamos em nós, não acreditamos nas nossas capacidades....não acreditamos que é possivel!

Tudo é possivel quando se crê!...Acreditando, tudo é possivel!...Acreditando, mentalizando e visualizando....até os obstáculos julgados intransponíveis ..se desmoronam....

Em vez de focar a sua mente no obstáculo...focalize-a na meta, no objectivo a atingir...

Não importa quantas vezes errou....não importa quantos falhanços teve....Erga-se....Volte a tentar... Vai conseguir!

Não fique preso a uma porta velha que já fechou, não fique sentado a lamentar-se e autocomiserar-se....Liberte-se das amarras do passado..Liberte-se do medo....e avance...Há sempre uma porta nova á sua espera.....

Programe a sua mente para vencer...na vida, na profissão e na família....e vai vencer!

A sua mente foi programada, desde a infância, para ter medo, para perder.....Programe-a para vencer e vencerá...

Acredite que é possivel!

Crie uma nova atitude...a partir da sua nova mente....

A sua força interior é imensa.....use-a!

As suas capacidades são enormes....use-as!

 

sinto-me: Feliz por viver...
publicado por antonioramalho às 12:35
link do post | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.links

.Visitantes desde Junho de 2010

.De onde visitam: