.posts recentes

. A raiz do medo

. O que encontrou, que havi...

. Sobressair na bondade

. O que o tempo não apaga

. O sentido que partilha a ...

. As palavras nas atitudes

. Porque não posso ir no te...

. A ironia que aconteceu no...

. O que diz à minha volta

. Alguém como eu

. Sob o postal de ser

. Os teus passos no silênci...

. O que pode haver, por sab...

. Juntos pelo coração

. O que é a noite no sorris...

. A nudez do amor

. O que pareceu o caminho

. Novo livro eBook - Eu e a...

. O impossível na sorte

. Sentir a tua falta

.arquivos

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

Quinta-feira, 21 de Junho de 2007

Quando querer ter razão é a opção de vida.............

A vida é um caminho, a vida é uma viagem.....a vida é uma opção!

A vida é algo mais.....é uma função do EGO.

A vida é ela própria......

Viver é uma condição, saber viver uma opção...........

Obstáculos, contratempos, contrariedades..............todos as têm!

Saber contorná-las? ...............Alguns....... E saber contorná-las....é uma lição! uma aprendizagem!

Queremos......queremos...mas quereremos mesmo saber viver?

Quereremos mesmo perceber que nos são colocadas crenças, preconceitos, ideias erradas....na nossa caminhada!

Quereremos mesmo perceber que a vida é e deverá ser simples.....?

O ego...sempre o ego....não nos deixa, aprisiona-nos, conta-nos a liberdade...e condiciona-nos a viver segundo as opções da própria Sociedade...

E uma das ideias preconcebidas  e mais erradas....é precisamente....o querer ter sempre razão....ou porque a intuição nos diz isso, ou porque a logica da interpretação que fazemos o conclui.....ou porque somos demasiado orgulhosos para não perceber....que querer ter razão...nos tira a liberdade e a capacidade de ser feliz!

Seremos mesmo livres...se a opção for mesmo ter sempre razão?

Que galhamos em termos de amizade...se a opção for ter sempre razão?

Que galhamos em termos de amor....se a opção for ter sempre razão?

E ter sempre razão para quê?

A que preço?

Será que a vida, tão curta e tão preciosa merece ser destruída...apenas para beneficio desse EGO?

E mesmo que tivessemos razão...valeu a pena realmente o que perdemos?

Valeu mesmo? ....

Ou lá no fundo percebemos...que querer ter sempre razão...nos destroi e nos consome?a

sinto-me: acredito no amor
publicado por antonioramalho às 19:34
link do post | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Junho de 2007

O EGO como estrutura basica.............

Entender o Ego como a estrutura metalica que suporta a nossa existencia....

O que é o Ego? O que é a necessidade de ter razão...e ser superior aos outros?

Porque vemos a realidade segundo essa nossa estrutura'

O Ego como apego a algo ou alguém......

E a solução para ser feliz como ............ausência de Ego? Ou apenas como ausência de apego, de necessidade de poder, de ganância, de controle?????

O ser humano foi realizado e interpretado pela Sociedade como alguém que se apega ás coisas......é meu e é minha.....!!! EU TENHO........

Como se pode entender agora a antítese? Como se pode entender...que só podemos ser felizes....se nos desapegarmos? Como modificarmos as nossas crenças de que tendo...somos felizes?

Como perceber que a felicidade está no desapego, em não TER.... Como entender que a felicidade está na simplicidade? 

O mesmo se processa ao nível da estrutura da nossa personalidade......~

A fonte de conflitos é o EGO......é a necessidade de ser superior aos outros.....

Como perceber que podemos e devemos ser felizes....se tivermos a capacidade do desapego?

É dificil de entender certamente.....

Mas os seres mais evoluídos espiritualmente são unãnimes em considerar que o segredo está no desapego................

Vivemos inseridos na Sociedade para nos criar vicíos, crenças, preconceitos.....e uma cultura de não felicidade......

Como entender exactamente o contrário?

Como entender que a felicidade esta na concepção oposta à que nos é dada pela Sociedade?

Como crescer e evoluir.................?

Como ser feliz?

Será que estamos todos errados?

Será que procuramos a felicidade de modo errado?

Será que somos programados para ser infelizes?

Ou será que o segredo está em discernir a a capacidade de ser feliz individualmente.....?

Um coisa está certa ....O EGO traz-nos, frequentemente, discussões e conflitos....

Afinal a vida é tão curta........Porque a desperdiçamos, tentando provar aos outros e a nós que somos superiores ?

Será que existe alguém superior ou dono da verdade universal ?

 

sinto-me: acredito no amor
publicado por antonioramalho às 14:44
link do post | favorito
|

Quando se perde o brilho............

Quando se perde o brilho, a vida torna-se escura......as aves não cantam....e a musica não tem mais sentido....

Há alguns que se sentam, outros que continuam, embora de ombros descaídos...

Quando se perde o brilho, nada mais é como era......

O tempo que parou.....e a vida que não amou....

As arvores silenciam-se....

O céu perde o tom....

Quando se perde o brilho, algo muda.....e não mais voltará....

A vida, alguns passos...alguma ironia....

Quando se perde o Sol......a vida não mais será igual....

Calor...imenso....

Ardor....escaldante...

Vida....fatigante....

Arvores que tombam.....céu que não brilha.....cores que esvoaçam................

Quando se perde o brilho, deixamos de viver......

A realidade já não somos nós....a realidade é o que é............

Lutar, lutar..........e mais lutar....

Um bandeira, que se ergue..tremulante e desesperante....

Quando se perde o brilho..............significa que o amor voou.....

a vida estagnou..................e um coração parou.....

Quando se perde o brilho...não somos mais nós....somos o que os outros querem que sejamos!

Uma cor que não existe....uma lágrima que resvala, timídamente.....

Um pétala que murcha....

Um amor ..............

Quando se perde o brilho....somos as marionetas do tempo e da Sociedade!

Somos o riso de quem não gosta de nós, somos a imagem que não queremos!

Quando se perde o brilho................a vida parou!

sinto-me: acredito no amor
publicado por antonioramalho às 11:44
link do post | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
15
16
17
18
19
20
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.links

.Visitantes desde Junho de 2010

.De onde visitam: